Número de inadimplentes de IPTU em Ubatuba cai quase 10%, no ano de 2023 – Prefeitura Municipal de Ubatuba

A comparação ao ano de 2022 também registra aumento nos pagamentos em conta única

O número de inadimplentes do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) da Prefeitura de Ubatuba diminuiu em 9,35% comparando os índices da prestação de contas de 2022 e 2023. O maior índice continua sendo o de residentes na cidade: 61% dos inadimplentes, que correspondem a 9.809 pessoas.

O estudo também aponta que o maior número de moradores com débito é da região central e a do bairro Pé da Serra: com um total de 3574 residências que, somado aos donos de imóveis não-residentes, alcançam 4.230 propriedades – o que corresponde a 26,15% do total de 2023, que é de 16.170.

Cota única

Outro dado positivo é referente ao número de pagamentos em cota única, que aumentou cerca de 3,2%, correspondendo a 952 pessoas a mais quitando o débito de uma só vez. Os vencimentos da cota única têm descontos que variam de 10% a 20%, o que representa uma vantagem para o contribuinte.

“O maior benefício do pagamento em cota única é do contribuinte, pois o desconto é progressivo, aumentando a cada ano em que a modalidade é escolhida. SE compararmos com as vantagens oferecidas pelo mercado financeiro atual, não há rendimento que atinja este percentual de desconto”, destacou o secretário adjunto de Fazenda e Planejamento, Benedito Altair dos Santos.

Ainda é importante lembrar que o município também é beneficiado, pois a arrecadação do IPTU é a maior fonte de receita da cidade.

 

2022

 

2023

 

 

17.297 devedores de IPTU

 

 

16.170 devedores de IPTU

 

 

Residentes 10137; 59%

 

 

Residentes 9.809; 61%

 

 

Não residentes 7160; 41%

 

 

Não residentes 6.361; 39%